Engenharia Elétrica

Bacharelado 5 anos

Noite
1ª Mensalidade:
R$ 99,00
De 2ª a 6ª feira, das 19h às 21h30
Manhã
1ª Mensalidade:
R$ 99,00
De 2ª a 6ª feira, das 8h30 às 11h
Flex
1ª Mensalidade:
R$ 99,00
Online + 3 encontros semanais
Semipresencial
1ª Mensalidade:
R$ 99,00
Online + 2 encontros semanais

SOBRE O CURSO

O Profissional de Engenharia Elétrica é requisitado em vários segmentos como indústrias eletroeletrônicas, de energia, automobilística, metalúrgica, petroquímica, alimentícia e várias outras, o engenheiro elétrico é um profissional com habilidades diversificadas capaz de trabalhar com plantas de instalações, procedimentos e técnicas de execução, definição de recursos necessários, orientar ou acompanhar fases de construção, instalação, funcionamento, manutenção e reparação, onde são manipulados aparelhos e equipamentos elétricos.

Durante o curso os alunos desenvolvem conhecimento nas áreas eletrônica analógica e digital, eletrônica de potência, materiais, circuitos e dispositivos eletrônicos, controle de sistemas e automação, telecomunicações, instrumentação eletrônica, microcontroladores e microprocessadores.

ENCONTROS

Presencial: 3 dias de aula + Projeto
FLEX: 2 encontros semanais + 1 Projeto
Semipresencial: 03 horas semanais ou 06 horas quinzenais

MERCADO DE TRABALHO

No mercado de trabalho, um engenheiro elétrico pode trabalhar em órgãos públicos (como secretarias, ministérios e instituições municipais, estaduais e federais) e também na iniciativa privada. Grandes obras de infraestrutura, a expansão da área de telecomunicações e investimentos em energia renovável têm contribuído para a crescente demanda por profissionais na área de Engenharia Elétrica.

ÁREAS DE ATUAÇÃO

Atuará em empresas diversas, em projetos elétricos para máquinas, automatização de sistemas, criação de células robotizadas, sistemas de inteligência artificial, eletrônica, engenharia biomédica, hardware e programação, instrumentação, microeletrônica e telecomunicações. Além dessas, também deverá atuar em projetos de redução de consumo.

Como todo engenheiro, deve registrar seu diploma no sistema CREA de seu Estado, para que possa atuar em sua profissão.